TCE abre inscrição para 185 vagas de estágio e formação de cadastro reserva


O Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM) abrirá, na próxima segunda-feira (12), as inscrições do Processo Seletivo Simplificado (PSS) para contratação de 185 estagiários e formação de cadastro reserva para o órgão, com chamada prevista para o mês fevereiro de 2019. As inscrições seguem até o dia 18 de novembro.

O processo será conduzido pela Escola de Contas Públicas (ECP) e é regido pelo edital nº 1/2018-ECP divulgado no Diário Eletrônico do TCE desta quarta-feira.

O estágio no TCE tem duração de 25 horas semanais, sendo cinco horas diárias. O valor da bolsa mensal é de R$ 1.000,00, com ajuda de custo para o vale-transporte no valor R$ 167,20 e mais seguro de vida.

Podem se inscrever alunos a partir do 2º período matriculados nos cursos de Direito, Administração, Arquivologia, Engenharia Civil, Economia, Contabilidade, Tecnologia da Informação e Comunicação Social (Jornalismo e Relações Públicas). A única exigência é que o candidato tenha coeficiente de rendimento acumulado igual ou superior a seis.

Por orientação do coordenador-geral da Escola, conselheiro Ari Moutinho Júnior, as inscrições serão feitas, exclusivamente, por meio do portal da ECP, no campo reservado às inscrições.

Estão sendo oferecidas, neste PPS, 101 vagas para Direito, 29 para Administração, 19 para Engenharia Civil, 17 para Contabilidade, sete para Economia, três para Arquivologia e três para Comunicação Social, além da formação do cadastro.

Etapas

As inscrições serão feitas em duas etapas. A primeira, com o preenchimento de formulário no site da ECP e, a segunda, com a confirmação de inscrição, realizada quando os estudantes deverão entregar  cópias dos documentos (RG, CPF, comprovante de matrícula e histórico escolar), entre os dias 21 a 26 de novembro, com a confirmação emitida no portal no ato da inscrição.

A prova será realizada no dia 16 de dezembro, em horário e local divulgados posteriormente, com quatro questões discursivas e três horas de duração.

Com informações do TCE-AM.