Anúncio Advertisement

Temer passa mal e é levado para centro cirúrgico mas deve ter alta ainda nesta quarta, informa Planalto

Palácio do Planalto divulgou uma nota na qual informou que o presidente Michel Temer deverá ter alta ainda nesta quarta-feira (25). (Ver nota no final da matéria)

Mais cedo, nesta quarta, Temer sofreu um mal-estar no gabinete e foi levado ao Hospital do Exército, em Brasília.

Segundo a Secretaria de Comunicação Social, Temer foi submetido a exames e, após uma sondagem vesical de alívio por vídeo, foi constatada obstrução urológica.

Temer chegou ao hospital em Brasília em um carro oficial, acompanhado da ambulância da Presidência, e entrou no hospital andando, pela entrada de autoridades, utilizada normalmente por generais do Exército e outros oficiais de alta patente.

Homens do Batalhão de Polícia do Exército faziam a segurança na entrada principal do hospital.

Conforme informações obtidas no Palácio Planalto, o médico de Temer, Roberto Kalil Filho, entrou em contato com a equipe do Hospital do Exército para avaliar se haveria necessidade de o presidente ser transferido para São Paulo; outra possibilidade seria Kalil se deslocar para Brasília.

A família do presidente já foi informada sobre a situação.

Leia abaixo a íntegra da nota do Palácio do Planalto

NOTA À IMPRENSA

Na tarde de hoje, o Presidente da República foi submetido a uma sondagem vesical de alívio por vídeo. O Presidente está em repouso, passa bem e deverá ter alta ainda hoje.

O Presidente Michel Temer teve um desconforto no fim da manhã e foi consultado no próprio departamento médico do Palácio do Planalto.

O médico de plantão constatou uma obstrução urológica e recomendou que fosse avaliado no Hospital do Exército.

Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República

Fonte: G1