Transparência da Prefeitura de Manaus sobre dados da Covid-19 vira destaque nacional

Foto: Divulgação

Os avanços na transparência de dados relacionados à Covid-19 em Manaus foram debatidos em uma entrevista online nessa terça-feira (11).

Durante a conversa realizada entre o Instituto de Governo Aberto (IGA) e a Prefeitura de Manaus, foram explorados tópicos como cenário atual, enfrentamento à doença no dia a dia e as perspectivas para o futuro.

Manaus foi escolhida para a entrevista por conta do rápido avanço nas avaliações feitas pela organização não governamental Transparência Internacional. Na primeira análise, em maio, o município ficou em 21° lugar entre as 27 capitais do país, com 31,6 pontos dos 100 possíveis. Já na segunda avaliação, em junho, saltou 63 pontos, chegando a 94,9, garantindo o segundo lugar entre as capitais. Na terceira, em julho, os pontos se mantiveram os mesmos.

O controlador-geral do município, Arnaldo Flores, apresentou os dados das avaliações feitas pela Transparência Internacional.

“Trabalhamos no que precisava ser melhorado e, já no segundo, conseguimos colocar Manaus entre as capitais mais bem avaliadas”, destacou.

Arnaldo pontuou, ainda, a implementação do hotsite que possui uma aba dedicada à transparência de contratos de empenho, doações de itens diversos, doações em conta e ouvidoria. Para ele, a criação do projeto é resultado da força de vontade aliada a profissionais com conhecimento técnico dentro da prefeitura.

“Sob gestão da Controladoria Geral do Município, em conjunto com as secretarias municipais de Saúde, Finanças e Comunicação, pudemos criar uma equipe técnica empenhada e entrosada, com o intuito de garantir o vigor da lei de Acesso à Informação à população”, disse o controlador-geral, acrescentando que as informações alimentadas no portal são coletadas em bancos de dados oficiais do Ministério da Saúde como o e-SUS Notifica, o sistema de monitoramento de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e o Gerenciador de Ambiente Laboratorial (Gal).

Intermediaram a entrevista duas cofundadoras do IGA, sendo elas a gestora de políticas públicas Laila Bellix e a advogada Vanessa Menegueti, que já fizeram contato também com representantes dos Estados do Espírito Santo e de Alagoas.

“Escolhemos Manaus pelo trabalho e pela história diante da pandemia. O instituto está à disposição para apoio e colaboração em projetos de transparência”, disse Laila, destacando que o material captado na entrevista será sistematizado e publicado no site da Open Knowledge Brasil, Organização da Sociedade Civil, que busca tornar a relação entre governo e sociedade mais próxima e transparente.

IGA

O Instituto de Governo Aberto é uma organização social que busca apoiar governos na estruturação e implementação de políticas de transparência, participação e integridade diante da sociedade. Em parceria com a Open Knowledge Brasil, o IGA promove entrevistas com representantes de Estados e capitais, para entender sobre os desafios que as esferas estão enfrentando e de que forma as gestões estão lidando, principalmente em locais que tiveram avanços ao longo da pandemia.

(*) Informações da assessoria