Transporte aéreo tem lucro de R$ 369,2 milhões no 1º trimestre

 

As quatro principais empresas de transporte aéreodo País registraram lucro de R$ 369,2 milhões no primeiro trimestre de 2018, informa a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). Dados divulgados mostram que o desempenho, em comparação com igual período de 2017, teve um aumento de quase 300%.

Com base na contabilidade da Gol, da Latam, da Azul e da Avianca, o estudo revela que parte do resultado positivo ocorreu pelo aumento da demanda por voos domésticos. Segundo a Anac, houve uma alta de 3,4% no 1º trimestre de 2018 frente ao mesmo período do ano anterior.

A receita com passageiro representou 86,9% da receita bruta de serviços, que ficou em R$ 10,3 bilhões. Carga e mala postal foram equivalentes a 4,8% da receita; penalidades do contrato de transporte aéreo ficaram com 3,5%; e receita com bagagens ficou com 1,6%.

Despesas

Já as despesas operacionais foram lideradas por custos com combustíveis e lubrificantes (31,4%); arrendamento, seguro e manutenção de aeronaves (18,2%); pessoal em geral (17,1%); e despesas operacionais (12,7%). Todas essas despesas somaram R$ 9,2 bilhões.

Fonte: Portal Brasil