Tribunal barra festa de inauguração de Centro de Atendimento em Careiro que ia ter até distribuição de brindes

No início da tarde desta quinta-feira (6), o conselheiro substituto do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), auditor Mário José de Moraes Costa Filho, barrou a festa de inauguração da “Centro de Atendimento ao Covid-19”, prevista para o próximo sábado (8), no Careiro.

A festa vinha sendo anunciada pelo prefeito Nathan Macena de Souza e contaria, inclusive, com a distribuição de fardamento, mochilas, bonés, camisas, segundo representação ingressada pelo Ministério Público de Contas (MPC). Na decisão, o auditor do TCE-AM esclareceu, ainda, que a decisão não veda a Prefeitura de Careiro de inaugurar o Centro de Atendimento, mas apenas de promover a festa de inauguração.

“Se de fato houver um evento vultoso como o que ora está sendo veiculado, com toda a aglomeração que está sendo prometida, tal equívoco deve ser evitado o mais breve possível por estar incorrendo em prática de ato que possa gerar grave prejuízo a toda a população daquele município e do Estado do Amazonas, mormente para os cidadãos de outros Estados (pela capacidade de disseminação do vírus), incorrendo, inclusive, em risco de vida”, afirmou o auditor Mario Filho.

O prefeito Nathan Macena de Souza tem 15 dias para apresentar documentos e/ou justificativas quanto aos fatos apontados pelo MPC.