Trump diz que teve relato positivo sobre reunião entre China e Coreia do Norte

Em mais uma demonstração de aproximação diplomática com a Coreia do Norte, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse no Twitter que o encontro entre Xi Jinping, presidente chinês, e Kim Jong-un, líder norte-coreano, foi positivo — mas que pressões ainda serão mantidas.

O relato sobre a reunião foi dado por Xi Jinping a Trump por mensagem. O presidente chinês disse ainda que Kim Jong-un relatou estar animado com o encontro com Donald Trump — sinalização positiva que também foi seguida pelo líder norte-americano. Em outro tuíte dessa quarta-feira (28), Trump disse estar “ansioso” com a reunião.

“Recebi mensagem na noite passada de Xi Jinping da China de que seu encontro com Kim Jong-un correu muito bem, e que Kim está animado para se encontrar comigo. Enquanto isso, e infelizmente, sanções e pressão máximas precisam ser mantidas a todo custo”, escreveu.

Após um ano de troca de farpas, um encontro histórico entre os dois líderes está previsto. Eles devem se encontrar pessoalmente para debater, entre outros pontos, o programa nuclear e balístico da Coreia do Norte.

A reunião está prevista para o fim de maio, mas ainda não há uma data fechada, nem local. Para os EUA, o melhor lugar para a reunião seria sua capital, Washington. Já os norte-coreanos, devem preferir que o encontro seja sediado em Pyongyang.

Sobre o encontro, Trump também tuitou nessa quarta-feira (28) que há uma boa chance de Kim fazer o que “é certo para seu povo e para a humanidade.”

“Por anos e por muitos governos, todos pensaram que não haveria a menor possibilidade para a paz e a desnuclearização da Península Coreana. Agora, há uma boa chance que Kim Jong Un irá fazer o que é certo para seu povo e para a humanidade. Estou ansioso para nossa reunião”, disse.

Fonte: G1