Vereadores da Comissão Processante da Câmara de Coari estão em Manaus para ouvir depoimento de Adail no quartel

Vereadores CoariSob justificativa de que essa é a última atividade a ser realizada pela Comissão Processante da Câmara Municipal de Coari, antes do relatório final que será levado a plenário com o parecer pela cassação ou não do prefeito Adail Pinheiro, preso há quase três meses, os vereadores do município estão em Manaus para ouvir o depoimento dele (Adail) dentro do quartel do Comando de Policiamento Especializado (CPE) onde está preso. Segundo os vereadores, o depoimento é o que estaria faltando para o encerramento da Comissão Processante, instalada no dia 18 de fevereiro, após denúncia feita ao Legislativo municipal com pedido de cassação, pelo pastor evangélico Casimiro Pereira de Brito e pelo membro do Conselho de Cidadãos de Coari (Concico), Raione Cabral Queiróz.

O pastor Casimiro e Raione Queiroz estiveram na Câmara de Coari, esta semana, cobrando respostas sobre o andamento dos trabalhos da Comissão processante. Eles se reuniram com vereadores na sala da Presidência da Casa onde receberam informação de que os trâmites do processo de cassação já estão em fase de conclusão. Levando-se em consideração os esclarecimentos feitos pelos vereadores aos denunciantes, o Radar teria se equivocado ao publicar que o relatório final estaria pronto e por algum motivo – como por exemplo o irmão do presidente da Câmara ganhar um contrato de meio milhão com a Prefeitura – não teria sido levado ao plenário da Casa para ser apreciado e votado.

Segundo informações dos vereadores, o único relatório que foi citado em plenário e que ficou pronto foi feito pela Comissão de Ética e de Justiça com parecer sobre a legalidade do pedido de cassação que é baseadono Decreto Federal 201/1967, parágrafos 9° e 10°, que tratam da ausência do prefeito por tempo superior ao permitido por Lei (A úlitma vez que Adail esteve em Coari foi no dia 12 de janeiro) e do fato do Chefe do executivo proceder de maneira incompatível com o cargo. Os vereadores garantira que após o depoimento de Adail que deve ocorrer nessa segunda-feira, o relatório final será elaborado imediatamente. (Any Margareth)