Vestidos a caráter, trabalhadores do setor de eventos fazem manifestação pedindo retorno às atividades (ver vídeo)

mulheres vestidas de noiva em frente a sede do governo

Foto: reprodução

Trabalhadores da categoria de eventos realizaram uma manifestação em frente a sede do Governo do Amazonas, situada na avenida Brasil, bairro Compensa, na manhã desta segunda-feira (19), para pedir o retorno das atividades.

O setor é o único que ainda não voltou à ativa devido ao decreto que proíbe a realização de eventos como casamentos, formaturas e outros como medida de prevenção a aglomeração de pessoas.

Segundo a cerimonialista Kelly Brasil, a categoria fez a manifestação para pedir respeito além da liberação dos eventos sociais. “Estamos aqui para pedir que o governador libere os eventos sociais: casamentos, formatura, aniversário de 15 anos e festas infantis. Pedimos que ele olhe para nós com carinho, mas acima de tudo com respeito porque nós precisamos voltar a trabalhar”, diz Kelly.

O grupo questiona a medida do governo em selecionar a abertura para restaurantes, bares e academias e ainda sim manter a proibição de eventos sociais.