Anúncio Advertisement

Vice-prefeito visita obras de contrapartida no Residencial Cidadão Manauara 2

Foto: Marcio James / Semcom

O vice-prefeito Marcos Rotta visitou, nessa terça-feira (8), a evolução das obras de infraestrutura e preparação da área institucional de contrapartida do Residencial Cidadão Manauara 2, no bairro Santa Etelvina, zona Norte.

“Estamos acompanhando o avanço dessas obras. Estou muito alegre, muito satisfeito, em poder fazer parte desse momento. Daqui a poucos meses, a prefeitura já estará entregando a primeira etapa do Manauara 2. São 500 residências que serão habitadas por pessoas simples e humildes que têm o sonho da casa própria. Tenho certeza de que esse é o maior sonho do brasileiro”, destacou o vice-prefeito.

As equipes da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) trabalham no nivelamento do terreno, terraplanagem e, posteriormente, asfaltamento da via de acesso. Enquanto isso, as obras para a construção dos 500 apartamentos da primeira etapa do habitacional estão a pleno vapor, com praticamente todas as unidades levantadas.

O vice-prefeito ressaltou, ainda, a parceria liderada pelo prefeito Arthur Virgílio Neto junto ao Governo Federal, que possibilitou a construção de 1.784 residências. As primeiras 748 unidades já foram entregues, no Cidadão Manauara 1, outras 500 estão sendo construídas na primeira etapa do Cidadão Manauara 2 e serão entregues ainda este ano, provavelmente no segundo semestre. Além disso, 500 unidades serão construídas na segunda etapa do Manauara 2. “Isso mostra, claramente, que a Prefeitura de Manaus tem uma política de habitação como nunca foi vista nesta cidade”, afirmou Rotta.

O vice-prefeito também lembrou a importância de que essa política habitacional continue tendo o apoio do Governo Federal. “É claro que a prefeitura também tem a sua contrapartida, nós estamos trabalhando essa questão a fim de que esse relacionamento estreito com o Governo Federal possa ser continuado, para que mais pessoas possam ter acesso a esse sonho que é o da casa própria”, disse Rotta.