Você conhece o funk do candidato descontrolado?

Tomou conta de blogs e até de sites de notíciais, além de bombar  nas redes sociais, um video em que o governador do Estado e candidato à reeleição, José Melo, se descontrola com cobranças feitas por eleitores de Autazes sobre a falta de energia elétrica naquele município e parte pro ataque perguntando se o cidadão não quer um feicheclair – vixe! Isso é mais antigo que o corpete e a anágua – pra calar a boca, ou usando a expressão pra lá de xula “quando tu estavas pendurado nos culhões do teu pai” dita a outro cidadão pra falar de tempos passados. Perdendo de vez o equilíbrio, o governador ameaça até partir pra porrada – algo parecido com aquele negócio antigo de vou te pegar lá for a – ao dizer ao eleitor:  “se quiseres saber o que um velho de ssessenta anos é capaz, quando eu terminar aqui tu vais saber”.

E como a turma aqui do Radar segue o lema de que rir é o melhor remédio  pra não morrer de úlcera, ataque cardiaco ou raiva mesmo, diante de tanta bestialidade humana, então criamos logo o “Funk do candidato descontrolado”, e já que falaram de “culhões” – e não foi a gente que começou, hein? –  a rapaziada lembrou do “garoto” – para os nossos antenados leitores a gente nem precisa dizer quem é o garoto,, né mesmo? . Por isso, lá vai, “segura o garoto, segura o garoto, não importa se ele for meio torto”… Segura essa, que a gente quer é dar risada. (Any Margareth)