Wilson Lima diz que não foi notificado sobre decisão de fechamento total do comércio

Foto: Reprodução Instagram

O governador do Amazonas, Wilson Lima, declarou neste domingo (3) que não foi notificado sobre a decisão do juiz plantonista Leoney Harraquian, que, a pedido do Ministério Público Estadual (MPAM), determinou o fechamento do comércio de serviços não essenciais pelos próximos quinze dias por conta do aumento de casos de Covid-19 no Amazonas.

Wilson Lima disse que “até o momento, o Governo do Estado não foi notificado, mas que assim que sair a notificação, ocorrerá uma reunião com o Comitê Estadual de Enfrentamento à Covid-19 para análise dos procedimentos cabíveis”.

De acordo com a decisão judicial divulgada na noite de sábado (2), o não cumprimento da decisão pode gerar uma multa diária no valor de R$ 50 mil “a ser aplicada na pessoa do governador”. O uso da força policial para o cumprimento efetivo da decisão também foi determinado pelo juiz no documento.