WO anunciado: Belão e Dermilson anunciam voto para Josué para Presidência da Aleam

No seu conhecido tom de zombaria, o deputado Belarmino Lins (PP), o Belão, afirmou, dias atrás, que a eleição para a presidência da Assembleia Legislativa do Estado (Aleam) não seria definida em WO – quando um dos oponentes da disputa não comparece. Mas, pelo visto, é exatamente o que vai acontecer nesta sexta-feira, 1 de fevereiro, quando acontecerá a eleição para os cargos da Mesa Diretora do Poder Legislativo, entre eles o de presidente da Casa. Belão que já havia desistido sua candidatura, nesta quarta-feira (30), anunciou que votará em Josué Neto (PSD) para o comando do Poder Legislativo no biênio 2019/2020.

Belão informou que a decisão de apoiar Josué Neto foi tomada após reunião com o deputado Dermilson Chagas (PP) – seu colega de partido político e ex-cabo eleitoral na disputa pela Presidência.

A debandada progressista rumo à candidatura de Josué Neto iniciou no último sábado (26), com a declaração de voto do deputado estadual eleito Álvaro Campelo (PP).

Com os votos de Álvaro, Belão e Dermilson, Josué Neto – que até agora é o único candidato à Presidência – chega a 21 votos – incluindo o seu – entre os 24 parlamentares da Assembleia.

Até esta quarta-feira (30), Josué Neto tinha os votos de Wilker Barreto (PHS), Joana Darc (PR), Terezinha Ruiz (PSDB), Felipe Souza (PHS), João Luiz (PRB), Alessandra Campelo (MDB), Ricardo Nicolau (PSD), Cabo Maciel (PR), Roberto Cidade (PV), Fausto Junior (PV), Carlinhos Bessa (PV), Augusto Ferraz (DEM), Mayara Pinheiro (PP), Delegado Péricles (PSL), Saullo Viana (PPS), Abdala Fraxe (Podemos), Dr. Gomes (PRP) e Álvaro Campelo (PP), declarados em vídeo, além dos votos de Belarmino Lins (PP) e Dermilson Chagas (PP), declarados em nota.